HomeBebêsTruques para conseguir dar remédio para o bebê
remédio para bebe

Truques para conseguir dar remédio para o bebê

Dar remédio para o bebê é uma tarefa que pode ser muito difícil, principalmente porque os medicamentos costumam ter um gosto muito ruim, e não é algo que os bebês estão acostumados a ingerir. Para as mães e pais, aprender a lidar com essa situação é imprescindível, entretanto, a missão é desgastante e leva tempo para ser contornada. Com algumas dicas é possível dar remédio para o bebê sem muito drama.

Antes de tudo, é muito importante que você tire todas suas dúvidas com o médico pediatra de sua confiança, como por exemplo a dosagem do medicamento, os horários certos em que o bebê deve tomá-lo e por quanto tempo. Quando comprar o remédio, procure guardá-lo em um local arejado, sem umidade e de preferência mantenha o frasco dentro da caixinha, fora do alcance das crianças. Observe sempre o prazo de validade do remédio e caso ele já esteja vencido, jogue fora imediatamente, não importa a quantidade que tenha sobrado.

Existem muitos tipos de remédio, e para cada um deles há uma forma de aplicar ao seu bebê. O mais comum é que eles sejam líquidos, o que facilita o trabalho dos pais. Até os cinco anos de idade, não é muito comum que médicos receitem comprimidos para o bebê.

remédio para bebe

Saiba como fazer para dar alguns tipos de remédio para seu bebê sem dificuldades

Antes do procedimento, lave bem as mãos e agite o frasco do remédio, caso ele seja líquido. Quando chegar a hora de dar remédio para o bebê, verifique se ele está posicionado com a coluna e cabeça retas, isso evita que ele engasgue. Apoie seu filho no antebraço e leve o remédio até a boca dele. Se preciso, é válido pedir ajuda de outra pessoa.

Remédios líquidos

Os remédios líquidos exigem precisão na contagem das gotas, por isso, a dica é contar em voz alta e, caso você perca a conta, jogue fora o líquido e comece outra vez. Se a medida for feita em ml, use uma seringa para ter maior precisão.

Na hora de dar o remédio para seu bebê, é possível usar a seringa colocando a ponta dela entre a bochecha e a gengiva. Dê metade do remédio, deixe o bebê engolir e só depois dê o resto, isso evita engasgos.

Remédio no ouvido

Nos casos de otite, alguns remédios devem ser pingados dentro do ouvido. Para fazer a aplicação, mantenha o bebê deitado de lado e pingue a quantidade indicada pelo médico no ouvidinho. Mantenha o bebê deitado por mais algum tempo para evitar que o remédio escorra para fora. Esse processo é totalmente indolor, explique isso para seu filho.

remédio para bebe

Remédio no nariz

Os problemas respiratórios costumam ser frequentes nas crianças pequenas. O soro fisiológico é muito recomendado pelos médicos para aliviar o sintoma da corisa. Ele pode vir em gotas ou em spray, e auxilia nos casos de nariz entupido das crianças. Para aplicar, é muito importante que você se mostre muito calmo e paciente, pois a criança pode ficar irritada com a situação facilmente, ao perceber que o remédio está tão perto de seu rosto.

Remédio no olho

O mais difícil de se aplicar em um bebê é o colírio. O motivo é simples: sempre que tentamos colocar algo dentro dos olhos, nosso reflexo de piscar é acionado, dificultando o trabalho. Nos bebês, isso é ainda mais difícil, já que eles não estão acostumados a esse tipo de interferência.

É importante que a criança esteja deitada de barriga para cima e em um estado calmo. Segure a pálpebra do pequeno para cima e pingue o colírio no canto interno do olho, a parte mais próxima do nariz. Deixe que o bebê pisque depois do procedimento, pois isso ajuda o remédio a se espalhar pelo olho. Não deixe que seu filho coce os olhos ou coloque as mãos, tome cuidado.

Comprimido

Não é comum que comprimidos sejam receitados a bebês menores de cinco anos, mas caso seu filho precise deles, pode ser difícil conseguir que ele engula o remédio. A forma mais indicada é oferecer o remédio com um como d’água, como fazem os adultos. Alguns comprimidos podem ser diluídos junto com a comida ou papinha, mas consulte seu médico para saber se isso é possível! Esse é um medicamento que exige cuidado extra dos pais.

Por fim, não recompense seu filho por ter tomado um remédio, por pior que o gosto dele seja! Quando nossos filhos ficam doentes, precisam entender que o tratamento da doença é essencial, e não uma escolha. Mostre a eles a importância de cuidar da saúde, e seja paciente ao máximo nesse momento.

Leia mais

Mitos e verdades sobre a água no ouvido dos bebês

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Teste Positivo é um blog com conteúdo voltado para gestantes e mamães. O blog é uma forma de batermos um papo sobre maternidade, bebês, saúde, bem-estar, decoração, moda e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@testepositivo.com.br

Sem comentários

Deixe um comentário