HomeTentantes10 sintomas da ovulação: como reconhecer o período fértil
sintomas da ovulação

10 sintomas da ovulação: como reconhecer o período fértil

Apesar do organismo de cada mulher ser diferente, as respostas do corpo ao período fértil normalmente são semelhantes, com apenas algumas variações em relação às mudanças hormonais e aos sintomas da ovulação em geral.

Em alguns casos os ciclos de ovulação trabalham com a precisão de um relógio, pois a ovulação ocorre no mesmo dia, todos os meses. Enquanto algumas mulheres não possuem a mesma precisão e a variação dos dias de ovulação é algo rotineiro. São comuns as dúvidas sobre o assunto, por isso, o Blog Teste Positivo vai ajudar você!

sintomas da ovulação

O que é a ovulação?

Muitas mulheres já ouviram falar no termo, mas não sabem explicar de fato o que é e como acontece a ovulação. Basicamente, a ação de um dos ovários ao liberar um óvulo é denominada ovulação, a partir disso, o óvulo pode ser fertilizado e em seguida se destinar ao útero, o que resulta numa gravidez.

O ciclo menstrual não é a única sinalização do organismo que indica a ovulação. Os sintomas da ovulação são bastante claros para algumas mulheres, mas para outras podem passar despercebidos, pois não são associados a ovulação devido ao desconhecimento de todo o seu funcionamento. Para esclarecer esse tema, vamos listar dez sintomas da ovulação para você!

Quais os sintomas da ovulação?

1. Mudança de humor

A mudança constante da taxa hormonal pode ocasionar alterações no humor. Situações do dia a dia que envolvam a tristeza ou a alegria ganham maior relevância e influenciam o humor das mulheres.

2. Alterações no muco cervical

Quando a mulher está ovulando ou está perto do período de ovulação,  a produção do muco cervical é aumentada, o que ocasiona a produção de uma secreção transparente e indica que a mulher está ovulando. No início do ciclo o muco fica mais grosso, mas com o passar dos dias vai se tornando mais fino e elástico, semelhante a clara de ovo.  

3. Dores de cabeça

Entre os sintomas da ovulação mais frequentes estão as dores de cabeça. Apenas a presença desse mal-estar não deve ser motivo de preocupação, porém caso os incômodos se intensifiquem e as dores de cabeça sejam constantes, é extremamente importante que a assistência médica seja procurada. Muitas vezes esse tipo de enxaqueca surge em apenas um dos lados da cabeça, o que facilita a identificação da sua causa.

4. Aumento da libido

A natureza humana é perfeita! Quando a mulher está no período fértil ocorre a queda do estrogênio e testosterona, enquanto os índices de progesterona sobem. Esse último hormônio é responsável pelo aumento da libido.

Além disso, é comum que as mulheres se tornem mais emotivas e exaustas, mas há uma razão biológica que explica essa situação: seu organismo espera que neste período ocorra a fecundação do óvulo e seu corpo procura se proteger de possíveis riscos.

5. Dores Abdominais

As dolorosas cólicas ou dores abdominais são bastante frequentes e são causadas pela ovulação. Chás, medicamentos, acupuntura e a boa e velha bolsa de água quente são algumas das alternativas para amenizar as dores.

sintomas da ovulação

6. Variações na temperatura do corpo

No início da ovulação é possível identificar a diminuição da temperatura basal corporal. Logo após o processo ovulatório ocorre o inverso, o aumento da temperatura basal corporal pode ser notado. Através desse sintoma é possível inclusive identificar o seu período de ovulação.

7. Aumento na quantidade de gases 

A ovulação ocasiona o aumento da produção de gases e acabam tornando as dores de estômago mais incômodas. Evite alimentos como leguminosas, vegetais ou comidas ricas em frutose e reduza esse desconforto.

8. Incômodos nas costas e nos rins

Até mesmo cãibras na região lombar inferior podem surgir durante o período de ovulação. Fique atenta e evite posições inadequadas do corpo ao andar ou quando estiver sentada.

9. Maior sensibilidade nos seios

Após a ovulação, a progesterona se destaca no ciclo ovulatório e prepara o corpo da mulher para uma possível gravidez. Como consequência, o corpo começa a realizar a retenção de água e isso induz ao inchaço em certas áreas, incluindo os seios. E como as mamas esticam para se adequar ao aumento de tamanho, é comum sentir dor devido a alta sensibilidade da região, que é rica em terminações nervosas.

10. Aumento na intensidade de sentidos como olfato e paladar

O aumento das taxas de progesterona ressalta os sentidos ligados ao cheiro e ao sabor. Se trata de uma espécie de efeito colateral ocasionado devido a proximidade entre a área do cérebro que controla os sentidos e os hormônios.

Existem mais sintomas? Sim!

Abdômen inchado, manchas e vagina mais sensível e inchada são outros indícios recorrentes que são frequentemente relacionados a ovulação pela medicina.

As fases do ciclo ovariano

As fases folicular, ovulatória e lútea são três etapas que ocorrem durante o ciclo ovariano. Conheça mais sobre elas!

  • Fase Folicular

Nesse período o óvulo é estimulado a crescer e amadurecer para a ovulação. Durante esta fase, há um aumento do hormônio folicular simulador (FSH) e de estrogênio no corpo, que faz os folículos amadurecerem e mais tarde, o folículo mais maduro libertará um ovo.

  • Fase Ovulatória

A fase ovulatória inicia-se com o aumento do hormônio luteinizante. O óvulo é libertado de 16 a 32 horas depois do aumento hormonal. Desenvolve-se então um único folículo, que sobressai da superfície do ovário, rompe e libera o óvulo.

  • Fase Lútea

A fase luteínica começa depois da ovulação e permanece por cerca de 14 dias. Após libertar o óvulo, o folículo fecha-se e forma um corpo lúteo que desenvolve uma quantidade cada vez mais significativa de progesterona.

A progesterona proporciona um dos sintomas da ovulação, gerando um aumento da temperatura corpórea durante a fase luteínica e se mantém alta até o início do período menstrual. Depois de 14 dias, se não foi realizada a fecundação do óvulo, o corpo lúteo degenera-se e um novo ciclo menstrual é iniciado.

sintomas da ovulaçãoComo identificar a ovulação

Existem alguns testes de ovulação disponíveis nas farmácias, eles detectam a concentração de hormônios e informam se há ou não ovulação, de maneira semelhantes aos testes de gravidez. Mas é importante ressaltar que esse não é o método mais eficiente e eficaz.

Fica a Dica: A melhor opção é procurar um especialista da área de saúde, como um ginecologista, por exemplo. Somente um profissional é capaz de auxiliar você a identificar os sintomas da ovulação, evitar dores e facilitar a gravidez, caso esse seja o seu objetivo.  

 

 

Quer saber mais sobre gravidez e o mundo das tentantes?
Não perca nossas postagens seguindo todas as redes sociais!

FacebookInstagram (@blogtestepositivo) e Pinterest.

 

 

Leia mais

Ovodoação: como funciona e quando fazer

Infertilidade feminina: o que pode causar e como tratar?

Atividade física ajuda engravidar mais rápido

Você sabe calcular o período fértil?

Compartilhe:
Classifique este artigo

O Teste Positivo é um blog com conteúdo voltado para gestantes e mamães. O blog é uma forma de batermos um papo sobre maternidade, bebês, saúde, bem-estar, decoração, moda e muito mais! Entre em contato com a gente!

redacao@testepositivo.com.br

Sem comentários

Deixe um comentário